20070926

Barbie, uma Ameaça ao Feminismo


"- Uma mulher de verdade deve ser perfeita - disse Barbie, com sua voz caramelada.
- Uma mulher de verdade deve estar sempre disponível e disposta a sacrificar seus interesses pessoais para ajudar os outros e, especialmente, suas amigas.

- Que coisa estúpida! - queixou-se Domitila.

Mas aquele comentário ofendeu Barbie. Imediatamente, sua expressão ficou séria e seu tom de voz, ameaçador.

- Jamais te queixes! - gritou, com os olhos fora das órbitas e com as veias do pescoço distendidas pela raiva. Mas em um instante voltou com um sorriso nos lábios e voltou a falar com ela em tom carinhoso, como se já não recordasse que Domitila a havia enfurecido há apenas alguns segundos antes.
- Uma moça não deve queixar-se - continuou dizendo. Uma moça sempre deve dizer que sim."
(Roc Alemany)

(VADE RETRO, "Barbie Girl"! Enquanto isso, as pessoas de plástico proliferam-se loucamente...)

4 na trincheira.

Rafael disse...

Barbie Jacu Style! ;P

Lembrando o mestre Huxley:

"As particularidades, como todos sabem, são favoráveis à virtude e à felicidade; as generalidades é que são, inteletualmente, males necessários. A espinha dorsal da sociedade não é composta de filósofos, mas de serradores de enfeites e de colecionadores de selos (e de Barbies)."

Rafael disse...

...
Juntamente com o índio de bermuda da Nike, a indiazinha com a barbie nas mãos é o maior exemplo na nossa monstruosidade.
:D

Feérica Fuzilêra disse...

Aberrações da natureza humana, demasiado humana...

Thiago Mallet disse...

Que coisa mais bizarra! Convenhamos, não é preciso ser gênio para saber a carga que contém as entrelinhas desse texto... bjos!